Produtividade sempre foi o forte de empresas que estão engajadas em vendas e que desejam crescimento global.

O que muita gente não sabe, ou nunca parou para pensar, foi em como a temperatura do ar pode impactar nessas ações.

A boa notícia sobre o assunto é que a Universidade Cornell foi capaz de conduzir um estudo a esse respeito.

O estudo serviu para medir o impacto que a temperatura ambiental do ar condicionado cassete tinha sobre os colaboradores.

Trabalho com ar condicionado

Uma empresa de seguros foi testada, junto a seus funcionários, e os resultados foram surpreendentes!

Veja o que ocorreu:

Toda vez que o ar condicionado mantinha o ambiente a 20º C, os colaboradores cometiam mais de 44% de erros, a produtividade também era comprometida, quando comparada a temperatura do ar em 25º C.

E por que isso acontece?

Veja bem. Quando o corpo está desenvolvendo algum tipo de trabalho, seja manual ou mental, ele também se sobrecarrega e quando a temperatura não está proporcional, o corpo precisa trabalhar ainda mais para mantê-lo na temperatura ideal. Isso causa um desgaste intenso.

Especialmente para trabalhos intelectuais, onde é preciso tomar decisões, agir com persuasão e estar estimulado mentalmente isso é bastante comprometedor.

O quer acontece então, se a temperatura não estiver agradável? O ser humano tenderá a perder sua capacidade de concentração, suas linhas de análises serão atingidas e ele terá maiores dificuldades para produzir como deveria.

Marcia Bandini que é diretora da Associação Nacional de Medicina do Trabalho afirma que o fator de climatização ambiental influencia nos resultados finais da produtividade.

No entanto, há de se entender que essa questão de calor e frio, depende muito de fatores genéticos, mas também da questão do porte físico do indivíduo, por exemplo, uma pessoa com maior peso corporal ou com mais pelos no corpo, pode não sentir tanto frio, como uma pessoa mais magra e com menos pelos.

O gênero homem, mulher, idade e quantidade de roupas também tem associação com essa questão do sentir a climatização.

O corpo sempre irá reagir de maneiras diferentes quando não estiver acostumado ao clima, isso quer dizer que, no Brasil estamos mais acostumados ao calor e se o ar condicionado cassete estiver refrigerando o bastante e enviando uma temperatura mais fria, é provável que o trabalhador tenha maiores dificuldades de concentração e execução, já que não está acostumado ao clima.

Banner ar condicionado cassete

É importante frisar que a legislação brasileira aprova e considera que a temperatura do ar condicionado cassete esteja agindo em torno de 19 a 23º C. valores acima disso não são indicados.

Mas, também é preciso considerar outros fatores como o tamanho da sala e quantidade de pessoas no desenvolvimento do trabalho, isso também reflete na quantia de BTUs do ar condicionado cassete, pois um ar condicionado cassete de baixa potência, não suprirá as necessidades em um ambiente maior, onde se exijam maior refrigeração e suporte.

Produtividade; um fator predominante nos resultados organizacionais

Ainda em relação ao estudo produzido sobre o tema, também foi verificado que temperaturas baixas interferem e muito na questão da boa produtividade.

E além disso, isso interfere também quanto a questão das interações sociais. Podendo ocasionar maiores conflitos e atitudes impulsionadas pela irritação.

Analisando de forma madura, compreende-se como essa questão da temperatura do ar condicionado cassete passa a ser imensamente importante no processo organizacional.

Não é à toa que restaurantes e cinemas estão sempre atentos a intensidade do frio ou calor, de modo que seus clientes não se sintam incomodados ou irritados com a climatização ofertada pelo ar condicionado cassete local.

É notório, inclusive pelos estudos já apresentados, que essa questão tem ligação com as sensações emocionais, podendo estabelecer processos mais agradáveis ou não, a depender de cada experiência vivenciada.

produtividade no trabalho

Essas informações só salienta a relevância de manter uma climatização equilibrada, de maneira que todos na empresa possam beneficiar-se de maneira satisfatória e eficiente. E o ar condicionado cassete é o ideal para ambientes médios e grandes, usados em indústrias, comércios e escritórios.

Visando esses dados e muitos outro correlacionados ao assunto sobre a importância da climatização ambiental é que se torna essencial ter aparelhos de ar condicionado cassete de boa qualidade, fazendo assim, manutenções anuais, com intuito de preservar a vida útil do mesmo e evitando riscos de vazamentos ou problemas com a refrigeração do estabelecimento ou compartimento.

E sem esquecer de mais um item que é essencial para manter a boa refrigeração… Não se pode deixar de mencionar o importante e requerido uso de cortina de ar condicionado. 

As cortinas de ar são vitais para o bom funcionamento do ar condicionado cassete, sendo muito indicadas para manter a temperatura local equilibrada.

Como salas comerciais e escritórios possuem grande movimentação de clientes e funcionários, manter a porta fechada pode ser um grande desafio, nesse caso, as cortinas de ar servem como auxiliadoras, pois, mesmo com essa intensa movimentação, elas trabalham no sentido de capturar a refrigeração, sem que elas sejam dispersadas! Havendo assim, redução do consumo de energia elétrica do ar condicionado cassete e mantendo a temperatura muito agradável.

Portanto, fique atento a essas dicas e compre somente aparelhos de ar condicionado cassete que sejam de boa qualidade!

Friopeças, a solução para sua empresa!

banner ar condicionado cassete